16 dez 2019
Notícias

ICV oferece dia de capacitação sobre sistemas agroflorestais

Autor: Assessoria de comunicação

Compartilhe nas redes sociais
Galeria de Imagens: clique para ver em tela cheia

Técnicos do Instituto Centro de Vida (ICV) ministraram na semana passada em Alta Floresta (790 km de Cuiabá) um curso de capacitação em sistemas agroflorestais para agricultores familiares e acadêmicos do curso de Engenharia Florestal da Unemat.

A capacitação integra as ações do projeto Sistemas Agroflorestais para Corredores Ecológicos, coordenado pelo ICV no município. A iniciativa teve o apoio do Conselho Federal de Direitos Difusos do Ministério da Justiça.

O objetivo foi dar formação em restauração florestal, tendo como foco aliar a preservação ambiental ao fator econômico.

Realizada em uma área de 10 mil metros quadrados na Vila Rural II, a atividade reuniu 35 participantes. Foram abordados aspectos como como o comportamento e o desenvolvimento de plantas em um sistema agroflorestal e também a viabilidade econômica desse tipo de produção.

Nas atividades práticas, os agricultores e acadêmicos puderam conhecer detalhes da implementação de técnicas de restauração por SAF, da adubação correta e ainda analisaram geograficamente a área para a realização do plantio.

ALTERNATIVA VIÁVEL

O biólogo Eriberto Muller, analista do ICV, disse que eventos de capacitação como esse fazem parte da filosofia da entidade, que tem como lema a busca por “soluções compartilhadas”. “Eu vejo que o ICV está cumprindo essa missão de buscar alternativas viáveis para o uso da terra. Nós conseguimos levar isso ao curso e as pessoas gostaram”, afirmou.

Ademar Muniz de Oliveira, proprietário da área que sediou o evento, disse ter ficado empolgado com a oportunidade. “Foi muito bom vocês trazerem esse curso aqui. O projeto é muito importante para restauração das matas na beira dos rios”, afirmou.

No caso dos estudantes, o curso proporcionou uma vivência com as teorias aprendidas em sala de aula. A universitária Eduarda Caroline Duarte Moraes, avaliou positivamente a experiência.

“O SAF é uma alternativa muito viável, não só economicamente, mas também por todo serviço ecossistêmico que esse ambiente natural vai proporcionar, protegendo o solo, melhorando o microclima local e também preservando o ambiente com as áreas de preservação permanente”.

LEIA MAIS:

Tags

Leia também...

© 2020 - Conteúdo sob licenciamento Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil ICV - Instituto Centro de Vida

Desenvolvido por Matiz Caboclo