16 nov 2016
Notícias

Instituto Centro de Vida capacita moradores de assentamento em Paranaíta para restauro florestal

Autor: Assessoria de comunicação

Compartilhe nas redes sociais
Galeria de Imagens: clique para ver em tela cheia

Professores, alunos e agricultores foram incentivados a monitorar o restauro que será feito no assentamento. Foto: Raíssa Genro/ICV

“Restaurar é importante pra ficar menos quente e manter a água que nós temos”, a afirmação da estudante Letícia de Campos Euflauzinio demonstra que o objetivo de incentivar moradores do projeto de assentamento (P.A) São Pedro, em Paranaíta, norte de Mato Grosso, a entender e valorizar o processo de restauro florestal foi cumprido. O tema foi abordado em seminários realizados pelo Instituto Centro de Vida (ICV) entre os dias 17 a 21 de outubro e 7 a 11 de novembro. A ação envolveu as comunidades próximas às escolas municipais Maria Quitéria e Cristo Redentor, permitindo que professores, alunos e agricultores possam atuar no monitoramento da recuperação de mais de 200 hectares de áreas de preservação permanente.

“Discutimos a relação com a terra, o direito e a função da propriedade, além de segurança e soberania alimentar, chegando ao processo de restauro florestal. Partindo deste contexto os participantes se tornaram multiplicadores”, ressaltou Carina Sernaglia, analista de gestão ambiental da Iniciativa de Municípios Sustentáveis do ICV. Elie Ivanoff, historiador e consultor do seminário, propôs a construção de um mapa afetivo do assentamento – localização de espaços de lazer, de reunião, postos de saúde, escolas e a reflexão sobre a origem dos produtos consumidos, para entender o fluxo produtivo.

Foram feitas atividades teóricas e plantio de mudas e sementes com as comunidades de duas escolas. Foto: Raíssa Genro/ICV

Foram feitas atividades teóricas e plantio de mudas e sementes com as comunidades de duas escolas. Foto: Raíssa Genro/ICV

No último dia foi hora de colocar a mão e a enxada na terra. Foto: Raíssa Genro/ICV

Analistas das Iniciativas de Municípios Sustentáveis e Pecuária Sustentável do ICV fizeram uma abordagem teórica sobre restauração, como técnicas envolvidas e épocas de plantio de cada espécie. No último dia – o mais esperado por todos, foi hora de colocar a mão e a enxada na terra plantando mudas e sementes na área das escolas. Primeiro, mudas de caju, cupuaçu, tamarindo. Depois a chamada adubação verde, plantas de crescimento mais rápido e mais altas para proteger as pequenas árvores que ainda estão frágeis: sementes de abóbora, quiabo, mamão, entre outras, realizando dessa forma o restauro produtivo, pois os frutos poderão ser consumidos. Agora é esperar que a chuva ajude as plantas a crescerem fortes, trazendo mais verde para perto dos moradores. “É um trabalho de formiguinha que começa por nós”, avalia Érica Gracielen Vieira, professora do 6º ao 9 º ano.

O Assentamento São Pedro possui 35 mil hectares divididos em 776 lotes e é um dos assentamentos de Mato Grosso classificado entre os prioritários do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) para regularização até 2019. As ações do ICV no local começaram em setembro de 2014, através de um projeto piloto inédito de regularização fundiária. Em julho de 2015 foram entregues, aos proprietários, mapas do Cadastro Ambiental Rural (CAR) de cada um dos lotes. O ICV também entregou, ao Incra o georreferenciamento do perímetro total, que permite a titulação do PA. Agora, depende apenas do órgão a emissão dos documentos.

As atividades para entender e valorizar o processo de restauro florestal foram feitas com a comunidade próxima à Escola Municipal Maria Quitéria. Foto: Raíssa Genro/ICV

Seminário envolveu comunidade próxima  à Escola Municipal  Cristo Redentor. Foto: Raíssa Genro/ICV

Seminário envolveu comunidade próxima à Escola Municipal Cristo Redentor. Foto: Raíssa Genro/ICV

Leia mais:

Instituto Centro de Vida intensifica trabalho de restauro de APPs degradadas em propriedades da região norte de Mato Grosso

Tags

Leia também...

© 2020 - Conteúdo sob licenciamento Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil ICV - Instituto Centro de Vida

Desenvolvido por Matiz Caboclo