20 set 2016
Notícias

Frente por uma Nova Política Energética para o Brasil apresenta carta a candidatos à gestão municipal

Autor: Assessoria de comunicação

Compartilhe nas redes sociais
Galeria de Imagens: clique para ver em tela cheia

logoenergiaparavidaUma carta está sendo dirigida pela Frente por uma Nova Política Energética para o Brasil aos candidatos a prefeito e a vereador. O objetivo é que os mesmos possam se comprometer a incentivar fontes renováveis de geração de energia elétrica distribuídas, em especial a solar fotovoltaica. Desde 2012, já é permitido pela Resolução nº 482 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que o cidadão comum possa gerar sua própria energia. Uma das maneiras viáveis para a disseminação deste modelo é por meio do sistema de compensação.

A proposta é que seja construído um Plano Estratégico Municipal de Energia, de forma participativa com a sociedade civil, que também contemple a adoção de medidas de eficiência energética. Com isso, o próprio poder público tenha condições de manter unidades demonstrativas por meio dos próprios prédios municipais, além da adoção de mecanismos de incentivos financeiros para que os cidadãos possam produzir sua energia.

Mais informações podem ser consultadas no site http://www.energiaparavida.org . O Fórum Mato-Grossense de Meio Ambiente e Desenvolvimento (Formad), por meio da representação do Instituto Centro de Vida (ICV), apoia a iniciativa.

Veja também:
Incentivos à energia fotovoltaica começam de maneira tímida em Mato Grosso
Campanha Energia para a Vida propõe microgeração solar como alternativa viável à matriz elétrica brasileira
Peixoto de Azevedo encerra série de oficinas de gestão participativa em municípios do norte e noroeste e Mato Grosso
Movimento Municípios Sustentáveis: em Guarantã do Norte, sociedade civil pede apoio para aprovação de plano diretor
Sociedade civil de Cotriguaçu prioriza fortalecimento de conselhos e implementação de planos municipais para a gestão pública
Cidadãos de Nova Bandeirantes formulam carta de prioridades para a gestão pública municipal
Cidadãos de Apiacás exercitam princípios de gestão participativa
Munícipes de Carlinda destacam agricultura familiar e saneamento na agenda da gestão pública
Saneamento é prioridade da sociedade civil para a gestão pública de Terra Nova do Norte, Mato Grosso
Nova Monte Verde, no norte do Mato Grosso, lista suas prioridades socioambientais
Paranaíta dá início ao Movimento Municípios Sustentáveis de Mato Grosso
Movimento Municípios Sustentáveis propõe protagonismo cidadão na agenda socioambiental e começa oficinas em agosto

Tags

Leia também...

© 2020 - Conteúdo sob licenciamento Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil ICV - Instituto Centro de Vida

Desenvolvido por Matiz Caboclo