20 set 2013
Notícias

Conselho Municipal de Meio Ambiente incentiva diálogo entre diversos atores de Cotriguaçu

Autor: Assessoria de comunicação

Compartilhe nas redes sociais
Foto: Andrés Pasquis / ICV

Foto: Andrés Pasquis / ICV

Andrés Pasquis / ICV

Nos últimos meses, o Conselho Municipal de Meio Ambiente de Cotriguaçu (CMMA) participou de várias atividades com o objetivo de estimular o diálogo entre os diversos atores de Cotriguaçu no sentido de caminhar para o desenvolvimento sustentável do município, localizado na região noroeste de Mato Grosso.
Entre essas atividades, destacam-se a realização da campanha “Queimar não é legal, apague essa ideia”, o 2° Encontro de Saberes e Sabores do Projeto de Assentamento (PA) Nova Cotriguaçu e uma reunião com a etnia Rikbaktsa, na Terra Indígena Escondido.
Essas interações são apoiadas pelo Projeto Cotriguaçu Sempre Verde, desenvolvido pelo Instituto Centro de Vida (ICV), parceiros e atores locais com o objetivo de apoiar a gestão ambiental municipal. Através desse trabalho, o Conselho reforça o compromisso de atuação e integração dos diferentes atores da região em um diálogo intersetorial, como por exemplo, no caso da campanha contra as queimadas, onde a ação de conscientização foi realizada em dois assentamentos, Juruena e Nova Cotriguaçu, explicando que o comportamento de alguns têm consequências sobre toda a coletividade.
No 2° Encontro de Saberes e Sabores, realizado em agosto, Amilton Castanha, presidente do CMMA, e Denise Freitas, secretária executiva, explicaram a importância da participação da sociedade civil nas tomadas de decisões das diferentes secretarias do município e afirmaram aos moradores dos assentamentos, estar dispostos a apoiar atividades para o desenvolvimento sustentável nas comunidades.
Denise também acompanhou uma equipe do ICV na aldeia Babaçu, da etnia Rikbaktsa para a apresentação do projeto Cotriguaçu Sempre Verde, que expos os objetivos de cada um dos seus componentes  e a correlação existente entre eles. Na ocasião, a secretária explicou o papel dos conselheiros e as atuações do Conselho, que tem entre os objetivos principais estimular o diálogo para a construção de um plano de gestão ambiental e territorial que leve em conta os  diferentes interesses e formas de uso do solo dos atores da região.
Através desse encontro, agricultores familiares e indígenas puderam entender a importância de sua integração nesse processo de  diálogo e respeito  e o compromisso que é representar suas comunidades no CMMA.
Mesmo conscientes de que ainda é necessário um trabalho intenso em busca do atendimento das demandas, ficou a abertura para que o CMMA possa desempenhar um papel de facilitador de diálogos e parcerias na busca por soluções.
O Projeto
O projeto Cotriguaçu Sempre Verde visa contribuir para a construção de uma nova trajetória de desenvolvimento socioambiental e econômico para esse município, pautada na conservação e no  manejo sustentável dos recursos naturais. Para isso, o projeto atua em cinco frentes: Boas Práticas Agropecuárias para o gado de corte e de leite, Gestão Ambiental Municipal, Bom Manejo Florestal, Governança dos recursos naturais nos Assentamentos e Integração das Áreas Protegidas. O projeto Cotriguaçu Sempre Verde é desenvolvido pelo Instituto Centro de Vida (ICV)  e parceiros com apoio do Fundo Vale.
Tags:

Categorias

Tags

Leia também...

© 2020 - Conteúdo sob licenciamento Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil ICV - Instituto Centro de Vida

Desenvolvido por Matiz Caboclo